23 de setembro de 2020 - 10:05

Agronegócio

31/12/2019 06:35

RS: culturas de milho e tabaco serão prejudicadas pela seca

A falta de chuva prejudica a agricultura em Santa Cruz do Sul. Após dez dias, choveu 15,6 milímetros na madrugada do último sábado, conforme a Defesa Civil. O volume é baixo e não é suficiente para eliminar a seca. O verão começou e a MetSul alerta para um quadro de estiagem entre moderada e forte durante a estação.

A principal cultura afetada até o momento é o milho, conforme o técnico em agropecuária da Emater/RS-Ascar, Vilson Pitton. As perdas são maiores para quem plantou em setembro. Porém, Pitton ressalta que o milho é de pouca representatividade em Santa Cruz, com cerca de 1 mil hectares plantados.

Com relação ao hortifruti, Pitton acredita que não foram registradas perdas consideráveis, já que a maioria dos produtores trabalha com bloqueadores solares e sistema de irrigação.

Nas lavouras de tabaco, folhas secas podem ser observadas. O gerente técnico da Afubra, Paulo Vicente Ogliari, explica que números poderão ser repassados somente no início da comercialização, em janeiro. “Haverá perdas, mas não temos como estimar o volume. As folhas queimadas interferem na qualidade do produto”, observa.

Ogliari salienta o prejuízo para quem ainda não realizou o plantio da soja. Com falta de umidade no solo, os produtores terão que aguardar. “A questão climática deve afetar o desenvolvimento das plantas e afetar o volume colhido no fim da safra”, alerta.


Telefone para contato

(65) 3358-5258

© copyright 2018 Todos os direitos reservados.