25 de fevereiro de 2021 - 16:49

Cultura

Casa da Pretas lança Exposição Arte e Resistência

 

 

O Centro Cultural Casa das Pretas, lança a EXPOSIÇÃO VIRTUAL E COLETIVA "ARTE E RESISTÊNCIA", no dia 26 de Janeiro de 2021,  os trabalhos artísticos valorizam a cultura negra. As fotografias, aquarelas e gravuras digitais da exposição criados na concepção da luta antirracista, exibem ainda referências de identidade onde um novo olhar evidencia as transformações da Arte como potência e potenciadora do que segue invisibilizado em nossa cultura.

A Casa das Pretas em Mato Grosso, é sediada na Praça da Mandioca, centro histórico de Cuiabá, criada pelo IMUNE-MT (Instituto de Mulheres Negras de Mato Grosso) para ser um centro de cultura, arte, literatura, cursos, palestras, eventos, enfim toda produção cultural que valorize a cultura afro-cuiabana em nosso Estado.

Para a Exposição "Arte e Resistência" foram convidados quatro (04) artistas residentes em nosso estado. Com abertura prevista pra dia 26 de Janeiro de 2021 no seguinte link : https://casadaspretasmt.wixsite.com/exposicao

Carina Valeria da Comunidade Ribeirão do Mutuca, uma das localidades que formam o Território Quilombola de Mata Cavalo, em Nossa Senhora do Livramento-MT, traz em suas fotografias, um olhar para a ludicidade das crianças no criar e jogar. "Sou criança, sou negra/Também sou resistência/Racismo aqui não, se não gostou, paciência"  (MC Soffia)

Eliana Fogaça nos brinda com aquarelas e pinturas inspiradoras com "olhos" que tudo vêem e se deixam ser penetrados e desvelados. Nos sensibilizam ao nos lembrar da potência e resistência feminina: "Sou mulher, sou dona do meu corpo/E da minha vontade. Fui eu que descobri Poder e Liberdade. Sou tudo que um dia eu sonhei pra mim" (Doralyce)

O geógrafo João Almeida fotografa Betinha, mediunizada na Tenda de "Maria Sabino", entidade que trabalha na Umbanda, há mais de cinqüenta anos, empoderando mulheres ao lhes apresentar fé ancestral, força, resiliência, um farol contra intolerância religiosa. Cinco décadas de compromisso e conexão com sua linhagem de mulheres Xamãs, curadoras, benzedoras, abençoadoras. "Sua bença minha mãe Betinha!"

Lia Amazonas com sua arte digital mostra resistência, referência e construção de outras matrizes de representação de corpos pretos, segue no caminho da desconstrução da estética opressora dos anúncios de revistas e jornais que perpetuam a branquitude."Há tanta beleza em mim/Há tanta riqueza em mim/Um mergulho pra dentro da casca.../As feridas que herdei são antigas mas a realeza tá há mais tempo no nosso DNA" (Drik  Barbosa e Rashid)

Arte e Resistência por Lupita Amorim 

Lupita Amorim do CNU/UFMT faz reflexões sobre Arte e Resistência e a luta antiracista:  "Para nós pessoas pretas a arte tem sido um espaço muito importante, sobretudo de resistência, pois por meio dela podemos falar de nossas vivências como elas são, imaginar como gostaríamos que fosse ou até mesmo denunciarmos situações de desigualdades, dentre outras possibilidades de representações artísticas ao qual tenho a honra de afirmar que fazemos isso com muita maestria, demonstrando nossa potência com nossa a manifestação de nossos desejos, vontades e expectativas diante de tantos assuntos, principalmente aquele que mais nos limita que é o racismo. Seja na poesia, música, artes visuais, dança, teatro ou outras formas de expressão artísticas a população preta brasileira tem evidenciado há muito tempo que a arte é esse espaço de resistência por não ter limitações em relação ao que podemos criar, registrando o que aconteceu ontem, construindo o hoje e projetando o amanhã através da arte conseguimos exercitar nossos talentos e potencialidades! Em Mato Grosso temos uma juventude negra disposta e comprometida em trazer em sua arte as urgências de nossa população para os tempos atuais e futuros, mas também falar de outros temas que não somente a violência que nos acomete diariamente. Feliz em fazer parte desse movimento!"

Confiram https://casadaspretasmt.wixsite.com/exposicao


Telefone para contato

(65) 3358-5258

© copyright 2018 Todos os direitos reservados.