19 de novembro de 2018 - 14:08

Educação

16/05/2018 16:43

Decisão da reitora, faz com que estudantes permaneçam no campus.

Na Universidade Federal de Mato Grosso os estudantes ainda continuam em greve por decorrência do aumento do valor do Restaurante Universitário RU de R$ 1,00 a R$ 5,00 e também pela decisão da reitora Myrian Serra de manter o valor antigo ate 31 de dezembro deste ano, os estudantes afirmam que a greve deve continuar ate a reitoria aceitar a negociação de suas pautas.

A reitoria comunicou na noite desta terça-feira (15.05) que o aumento feito para o RU foi suspenso até 31 de dezembro deste ano. já os estudantes não acataram a proposta e esclareceram que eles buscam alteração no modelo como o restaurante é administrado e, entre outras pautas, pedem uma auditoria no contrato com a atual empresa que presta os serviços. Os alunos criaram grupos de estudo e ainda elaboram propostas para que o RU seja estatizado. Na ultima segunda-feira (14.05) o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) aprovou a suspensão do calendário acadêmico de todos os cursos da graduação da universidade federal de Mato Grosso, o professor que der aula ou passar trabalhos, estará irregular, contudo para os projetos de pesquisa e pós graduação o calendário não altera.


Telefone para contato

(65) 3358-5258

© copyright 2018 Todos os direitos reservados.